O livro dos segredos

Tesouro da cultura irlandesa

Jóia da animação

Outro dia assisti à coisa mais linda do mundo.

Nada do que escrevo aqui faz jus ao filme.

Fiquei indefesa diante da beleza esmagadora de The Secret of Kells.

Mesmo se você não se ligar em arte céltica, Irlanda e afins, pouco importa. O filme vai muito além disso.

O desenho, que concorreu ao Oscar este ano, ainda não estreou nos cinemas nem em DVD por aqui. Teve apenas exibições em festivais como o do Filme Infantil (Rio e SP). O desenho narra quase que um conto de fadas em torno da criação do Livro de Kells, um verdadeiro tesouro nacional irlandês.

A viagem delirante pela caligrafia, vinhetas e padrões espiralados celtas, que decoram o livro, e pela natureza exuberante da Irlanda, faz lembrar o esplendor místico de mandalas tibetanas, as pinturas de Klimt e os motivos da arte persa.

Podia ser uma história sobre qualquer livro, mas é sobre um livro indissociável de sua história. Da lendária época dos monges que salvaram obras clássicas e religiosas dos invasores vikings. Luz num tempo de trevas.

Em Os Príncipes da Irlanda, de Edward Rutherfurd (comentado em outro post), há um personagem que é monge e aprende os segredos da criação das delicadas iluminuras que decoram os evangelhos. O autor descreve um pouco do rigor e dedicação que os monges irlandeses empregavam nessa arte.

Em The Secret of Kells, Brendan é um menino que habita o mosteiro de Kells, comandado por seu tio, o severo Abade Cellach. Com a chegada do simpático irmão Aidan, e o misterioso gato (ou gata) Pangur Ban (que tem um olho azul e outro verde), Brendan começa a aprender os segredos das iluminuras. Com a missão de encontrar material para confeccionar tinta, Brendan se aventura pela floresta próxima ao mosteiro e conhece Aisling (pronuncia-se ásh-lin), uma criatura meio menina meio loba, muito fofa.

Uma das sequências mais lindas é da canção de Aisling, na voz da menina Christen Mooney. O elenco que deu vozes aos personagens, por sinal, é excelente.

Fiquei curiosa em relação ao tal Chi-Ro mencionado no filme. Ele abre um dos evangelhos do livro de Kells e está reproduzido mais abaixo. O Livro de Kells pode ser visto no Trinity College, em Dublin.

A produção de The Secret of Kells envolve produtoras de vários países, além da própria Irlanda (Cartoon Saloon Studios que fez o excelente As Bicicletas de Belleville). E o Brasil colaborou com a participação da Light Star Studios. Tomara que seja logo exibido por aqui.

O único problema do filme é que ele acaba e muito rápido. Deve ter tipo 1h20. E acaba ficando meio aceleradinho. Mas é para rever muitas vezes.

Fique com essas imagens que falam por si.

jóia da animação

cores e espirais

==========================================================

Aisling e o gato Pangur Ban

Aisling e o gato Pangur Ban

==========================================================

A floresta de Aisling

A floresta de Aisling

==========================================================

A cela do Abade Cellach (The Secret of Kells)

A cela do Abade Cellach (The Secret of Kells)

==========================================================

A misteriosa Aisling

A misteriosa Aisling

==========================================================

O bem humorado irmão Aidan

O bem humorado irmão Aidan

==========================================================

A loba branca

A loba branca

==========================================================

Aisling e Brendan

Aisling e Brendan

==========================================================

Chi-Rho, do livro de Kells (o próprio)

Chi-Rho, do livro de Kells (o próprio)