Algo útil e belo

“A vida da cidade moderna é praticamente toda determinada pela linha reta… A curva é cansativa, perigosa e funesta, possui um verdadeiro efeito paralisante… A estrada curva é um resultado arbitrário, fruto do acaso, do descuido, de uma ação puramente instintiva. A estrada retilínea é uma resposta a uma solicitação, é fruto de uma intervenção precisa, de um ato de vontade, um resultado atingido com plena consciência. É algo útil e belo.” – Le Corbusier

— Domenico de Masi: Criatividade e Grupos Criativos – Primeira Parte – Descoberta e Invenção

Villa Savoye (Le Corbusier)

Villa Savoye (Le Corbusier)

Le Corbusier Villa Savoye

Le Corbusier Villa Savoye

mundos fantásticos da aproximação e universos concretos da precisão

Que cada um, então, fecunde o seu tempo segundo as próprias vocações criativas, de modo que prossiga eternamente o itinerário do homem, que ama entrelaçar os mundos fantásticos da aproximação com os universos concretos da precisão; as linhas retas, saxônicas, peremptórias, com as linhas curvas, latinas, livres e sensuais.

— Domenico de Masi: Criatividade e Grupos Criativos – Introdução: Linha Reta, Linha Curva

Mondrian: composição com vermelho, amarelo, azul e preto.

As linhas retas, saxônicas, peremptórias. Piet Mondrian: composição com vermelho, amarelo, azul e preto.

Tarsila do Amaral

As linhas curvas, latinas, livres e sensuais. Tarsila do Amaral: Antropofagia

 

Invenção e evolução humana

Invenção e evolução humana

 

O tempo é um jovem a brincar

O tempo – afirmou Heráclito – é um jovem a brincar. Às vezes, nos seus jogos, gosta de se divertir sobretudo com a esfera emotiva, criando poesia, música e arte. Outras vezes lhe apetece concentrar-se sobretudo no âmbito racional, criando matemática, ciência e tecnologia. O importante é que cada homem saiba brincar com o tempo que brinca, de modo criativo, sem se esquivar dos seus dons: “O tempo passou na janela – só Carolina não viu”, diz o lamento de Chico Buarque, na sua doce canção.

— Domenico de Masi: Criatividade e Grupos Criativos – Introdução: Linha Reta, Linha Curva

que cada homem saiba brincar com o tempo que brinca

que cada homem saiba brincar com o tempo que brinca

 

Invenção e evolução humana

Invenção e evolução humana

 

talvez o tempo se perca

Calvino confessava: “Prefiro confiar na linha reta, na esperança de continuar até o infinito e tornar-me inatingível.” Carlo Levi preferia alimentar uma esperança diversa: “Se a linha reta é a mais curta entre dois pontos fatais e inevitáveis, as divagações a prolongarão: e se essas divagações se tornam tão complexas, tão emaranhadas e tortuosas, tão rápidas que não deixam rastro, talvez a morte não nos teste mais, talvez o tempo se perca e possamos ficar ocultos nos esconderijos mutáveis.”

— Domenico de Masi: Criatividade e Grupos Criativos – Introdução: Linha Reta, Linha Curva

esconderijos

esconderijos mutáveis

Invenção e evolução humana

Invenção e evolução humana

razão e liberdade

A linha reta é limitada por suas próprias regras, por seus próprios binários, que a impedem de desviar. Se varia, já não é mais reta. A linha curva, pelo contrário, passa por onde quiser, encontrando a sua razão de ser na sua própria liberdade: como as aves no céu, as embarcações no mar e os adolescentes na vida.

— Domenico de Masi: Criatividade e Grupos Criativos – Introdução: Linha Reta, Linha Curva

liberdade

a razão de ser na própria liberdade

 

Trabalho e transformação humana

Trabalho e transformação humana