A beleza e a imaginação


DOROTHY: A imaginação é peculiar, não é? (…) Digo, às vezes ela nos aprisiona e, às vezes, é o que te liberta.

WENDY: Sim. Eu acho que é isso o que a gerra destrói. Toda a arte e arquitetura, os campos de flores e os sonhos dos jovens… Toda a imaginação.

ALICE: Minha querida, coisas bonitas e originais podem ser destruídas. A beleza e a imaginação não. Elas florescem até em tempos de guerra.

– Alan Moore & Melinda Gebbie:  Lost Girls – Livro 3 – O Grande e o Terrível

a imaginação

Elas florescem até em tempos de guerra

concluindo o decamerão hyper porn novecentista

concluindo o decamerão hyper porn novecentista

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s