Aos descuidados e aos negligentes, que põem fé na adulação


Eis, porém, minha boa gente, como a Fortuna muita vez inverte as esperanças e a soberba dos malvados! O galo, preso ao dorso da raposa, ainda teve ânimo de dizer a ela, não obstante todo o seu terror: “Por Deus, se eu estivesse em vosso lugar, bradaria aos que nos perseguem: ‘Voltai, oh vilões presunçosos! Oxalá vos leve a peste! Agora que alcancei o bosque, o galo será meu, não importa o que façais. Prometo-vos: vou devorá-lo num instante!'”

E a raposa respondeu: “Muito bem, assim será.” Mas, nem bem proferira essas palavras, quando o galo agilmente escapou de sua boca, voando para o mais alto galho de uma árvore.

Vendo a raposa que a presa lhe fugira, exclamou: “Ai, Chantecler, meu caro! Reconheço que não agi com correção, e vos dei um grande susto quando vos agarrei e vos tirei à força do quintal. Mas, meu senhor, não foi má minha intenção. Vinde aqui, e eu vos juro por Deus que hei de explicar-vos tudo, contando toda a verdade.”

“Oh não!” retrucou o galo. “Maldição para nós dois, e maldição maior para mim, em minha própria pele, se eu me deixar cair em alguma outra esparrela. Nunca mais a bajulação vai me induzir a cantar de olhos fechados. Quem fecha os olhos quando tem que ver, jamais merece a proteção de Deus.”

Eis aí o que acontece aos descuidados e aos negligentes, que põem fé na adulação.

—   Geoffrey Chaucer: O Conto do Padre da Freira, a respeito do Galo Chantecler e da Galinha Pertelote, do livro Os Contos de Canterbury

The Nun's Priest's Tale by YellowVraptor

The Nun’s Priest’s Tale
by YellowVraptor

 

Inventário da vida humana

Inventário da vida humana

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s