Goya: sombras, sonhos e monstros


André Malraux, ao escrever em 1957 um ensaio sobre Goya e sua arte, afirmou que o pintor “não se antecedeu a nenhum dos artistas de nossos dias – ele ofuscou toda a arte moderna.” – Janice Anderson: Vida e Obra de Goya

the dog

Un perro

Francisco de Goya y Lucientes: A Agonia no Jardim (Cristo no Monte das Oliveiras)

Francisco de Goya y Lucientes: A Agonia no Jardim (Cristo no Monte das Oliveiras)

 

O sonho da razão produz monstros

O sonho da razão produz monstros

 

Goya

Goya: Três de maio de 1808

 

Goya-Asmodea

Uma visão fantástica

 

goya.colossus

O Colosso

 

Goya

O Hospício

goya.saturn-son

Saturno devorando um de seus filhos

 

Janice Anderson: Vida e Obra de GOYA

Janice Anderson: Vida e Obra de GOYA

 

Goya por Carlos Saura

Goya por Milos Forman

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s